sábado, 31 de agosto de 2013

domingo, 25 de agosto de 2013

sábado, 24 de agosto de 2013

MANUEL FORJAZ

Com pedido de desculpas ao autor do texto, Prof Manuel Forjaz, que não consegui contactar antes de publicar mas, estou certo, que não levará a mal.

O autor é um académico de referência, tendo leccionado em várias escolas e institutos superiores, para além de ter estudado nas escolas mais conhecidas.
Para além do percurso académico, trabalhou na Unilever, na Bertrand, Mediapress, ...

Exorto-vos a ler o seu artigo, que vivamente recomendo, e sugiro também que vejam o discurso do seu 50º aniversário no youtube em 



Depois de três semanas de dores, controladas com Trmamis, Lyrica e Benuron, um PETTC e análises confirmam um péssimo diagnóstico. 
A cura, em óptimo caminho em maio deste ano, fica em total regressão, com metástases a regressarem com força e densificação da pleura, marcadores a subirem, etc tec....Tudo mau, lá se foi metade da curta esperança de vida....
Saio desfeito, destroçado, lágrima escondidas pelos óculos de sol...acabado, enfio-me sem responder às centenas de emails telefonemas sms e mensagens, entre lençóis a chorar.
Mando B cancelar o jantar com amigos.

Três horas depois recebo um SMS do meu filho José Maria e só sou capaz de pensar, "mas oh tu, merda de homem" de que tens pena? Choras por ti próprio? Não fizeste o Zé Maria? não fizeste o António? Não criaste uma incrível família? Não tens amigos extraordinários? Não tens pegada neste mundo de areias? Não viveste cenas incontáveis?

E decido. não isto não pode ser.
Ligo a B e peço-lhe para remarcar o jantar desmarcado. Tomo banho, aboneco-me, e respondo a todos os sms e chamadas pendentes.
E foda-se, nesnhum segundo desta vida me passará ao lado. Toca-me à porta a Amanda, querida a amiga e aluna da NOVA. Jantamos todos juntos, rodeados de quem gosta de nós, porque sim....

Não há esperança de vida. Há vida com esperança. E esta não tem nada a ver com tempo. Tem a ver com amar vida. Ter esperança é apenas amar a vida e nisso eu sou um especialista. O tempo é um resíduo...não é assunto, guia ou prioridade.
Siga, and Fuck Cancer.

PS: Pensei muito em escrever este post. Mas não posso passar a mentira ou ilusão de que isto corre sempre bem. Porque a verdade é que com cancro, apesar de todas as excepções, em princípio morremos mais cedo. Avançamos e recuamos, Ganhamos ou perdemos a esperança. temos mais 2 anos ou 4 meses de vida. Mas a mim morrer não me mete medo. Dores é que não...!!! Mas o que importa mesmo é como se vive esse mais cedo. Entregue, ou na luta até ao fim. A sacar o melhor ou com pena de si próprio. E isto não faz faz parte de mim. Por mim durarei para sempre. Cá ou lá. E como diz o meu querido amigo Prof. Dr. José Fialho. a luta continua....



sexta-feira, 23 de agosto de 2013

AMIGOS E PATRIMÓNIO






Olá a todos:

Volto aqui porque o escrever, para além dum vício envergonhadamente assumido, é uma necessidade...

Ao escrever consigo exorcizar os maus pensamentos, consigo raciocinar com um pouco mais de clarividência e sou capaz até de ser mais objectivo e prático ...

Como diz um "amigo meu das motos", o Elísio Ferreira, "O meu património são os meus amigos" e hoje, atribuo uma importância bem diferente à sua frase.

Neste difícil momento da minha vida em que passei já por algumas fases diferentes, todas más ou mesmo péssimas, os amigos têm-se revelado fundamentais para que mantenha a cabeça fora de água e, mesmo neste cenário de trevas e drama, consiga ver alguma luz ...

Eu próprio, com amigos em situações semelhantes, ligava para dizer não sei bem o quê mas ... apenas para dizer "PRESENTE" ... não se sabe bem o que dizer, como abordar o assunto ou sequer se devemos falar na doença ... compreendo a dificuldade de alguns de vós, eu próprio tinha (tenho) essa dificuldade.

Alguns dos meus amigos, mais íntimos, (não necessariamente a nossa família de sangue que apenas o são por essa particularidade inquebrável), estão fisicamente connosco, partilhamos refeições, sorrisos, ... e preocupações.

Outros, menos à-vontade, resguardam-se numa discreta palmada nas costas, num meio-sorriso ... e é gratificante perceber nalguns que, mesmo com o seu silêncio, o seu olhar não mente e estão connosco ...

Dizer obrigado é muito pouco para o conforto que alguns de vós nos têm dado ... retribuo eu próprio com um olhar que perceberão de gratidão.









segunda-feira, 19 de agosto de 2013

FADO DA INQUIETAÇÃO







És linda se foras feia
mesmo assim eu te queria

Não é por ser lua cheia
que a lua mais alumia

Todo o bem que não se alcança
Vive em mim morto de dor

Quem ama de amor não cansa
E se morrer é de amor



... E A VIDA CONTINUA ...


Meus caros:

Desde que tomei conhecimento da doença de minha esposa, tenho sentido sensações que julgava nem existir sequer ... a minha capacidade de raciocínio, a habitual frieza com que abordava alguns assuntos e até a capacidade de antecipar soluções para problemas ainda não nascidos... foi-se por completo,... tornei-me um ser puramente emocional e alturas houve em que "andei a bater com a cabeça nas paredes", tal o desespero.

O Hélder, amigo que muito estimo e enfermeiro na psiquiatria dos HUC, tratou de me arranjar uma consulta pois estava preocupado com o meu estado a aproximar-se já do depressivo provocado, sobretudo, pela privação do sono.

Foi uma óptima opção pois vi o problema com um olhar diferente e a ajuda duns químicos para regular o sono e torná-lo mais repousante deram os seus frutos.
A conversa com a psiquiatra, senhora experiente e ligada à psiquiatria oncológica  há tempo suficiente para lhe conferir muita "bagagem" no tema, fez-me bem e ainda bem que o Hélder se apercebeu e me tratou do assunto.

O problema persiste sem solução, a dor continua a ser grande e a mágoa aperta demasiado o coração ... mas aprendi que se trata apenas de viver o dia-a-dia o melhor possível, manter as rotinas até onde se conseguir, ir adequando o evoluir da doença à capacidade de se ir fazendo o que se puder ... tão só.

O Zé Garrido, amigo que igualmente estimo, psiquiatra de profissão e que insistiu em falar comigo para com as suas palavras de alguma forma me aliviar a dor e o sofrimento, disse-me:

"João, estás fodido e tens que aguentar !!!"

Estranhamente, foi a coisa que me disseram que mais impacto positivo teve em mim ... 
Os meus amigos, manifestam-se disponibilizando-se para ajudar no que for preciso e tal ... mas o Zé Garrido colocou as coisas tal e qual como elas são.

"Portantos", tenho mesmo que aguentar e alguém tem que "levar o barco prá frente"  e, não havendo mais ninguém, tenho mesmo que ser eu !!!!

Obrigado a  todos os que de alguma forma têm manifestado apoio e solidariedade.





domingo, 18 de agosto de 2013

VOLTAR ATRÁS

Para ti Lena:


Manhã cinzenta                                          Perdi-me Amor
Faz-me chorar                                           Para te encontrar 
a Chuva lembra                                         Na solidão do teu olhar
O teu olhar                                                No teu olhar se perde o meu
As folhas mortas caem no chão                  Também o mar se perde no céu
A dor aperta o coração                               Quanto eu não daria
Quanto eu não daria                                   Para poder voltar atràs
para poder voltar atrás                               Volta para para o meu peito
Volta para o meu peito                               Daqui não saias mais
daqui não saias mais




sábado, 17 de agosto de 2013

POEIRA AO VENTO

Uma pequena homenagem à minha esposa.
Gostamos ambos desta canção dos Scorpions... uma banda do "nosso tempo".
Convido-vos a ouvir ...




Dust in the Wind                                    Poeira no Vento
I close my eyes                                     Eu fecho os olhos
Only for a moment                                Apenas por um momento
And the moment's gone                         E o momento desaparece
All my dreams                                       Todos os meus sonhos
Pass before my eyes a curiousity           Passam na frente dos meus olhos
                                                             Uma curiosidade
Dust in the wind                                     Poeira ao vento
All they are is dust in the wind                Tudo o que são é poeira ao vento
Same old song                                        A mesma velha canção
just a drop of water in a endless sea       Apenas uma gota de água num 
                                                              oceano sem fim
All we do                                                Tudo o que fazemos
crumbles to the gorund                           desaba sobre a terra
Though we refuse to see                         Embora nos recusemos a ver
Dust in the wind                                      poeira ao vento
All we are is dust in the wind                   Tudo o que somos é poeira ao vento
Now don't hang on                                  Agora não desistas
Nothing last forever                                nada dura para sempre
But the earth and sky                              além da terra e do céu
It sleeps away                                         Tudo fugirá
and all your money                                  e todo o teu dinheiro
won't anothet minute buy                        Não vai comprar outro minuto
Dust in the wind                                       Poeira ao vento
All we are is dust in the wind                    Tudo o que somos é poeira ao vento
Dust in the wind                                       poeira ao vento
All we are is dust in the wind                    Tudo o que somos é poeira ao vento



sexta-feira, 9 de agosto de 2013

"COISA" DO DIA



Eu também sou vítima de sonhos adiados, de esperanças dilaceradas, ... mas apesar disso, ainda tenho um sonho porque a gente não pode desistir da vida

Martin Luther King


quinta-feira, 8 de agosto de 2013

FRASE DO DIA



Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim.


CONSELHO DO DIA



Não espere por uma crise para perceber o que é 
importante na sua vida

Platão

quarta-feira, 7 de agosto de 2013

NO RED LINE


Alguém me está a pôr à prova e a testar os limites ... e está quase a consegui-lo...

Se és TU, pára, peço-te ...




PROVÉRBIO DO DIA




"Volta o teu rosto sempre na direcção do sol e as sombras ficarão para trás"

Provérbio Chinês



TU VAIS CONSEGUIR


TU Vais conseguir ... eu quero e sei que vais ... nós estamos a dar-te força porque o teu sorriso é importante para nós


segunda-feira, 5 de agosto de 2013

domingo, 4 de agosto de 2013

PENSAMENTO DO DIA PARA MINHA FAMÍLIA




O meu pensamento e todas as minhas forças estão 
nos meus filhos e na minha esposa


GOSTAR é quando nos aproximamos duma pessoa e começamos a apreciá-la

PAIXÃO é quando achamos essa pessoa perfeita

AMOR é quando sabemos que essa pessoa não é perfeita mas aprendemos até a amar os seus defeitos


quinta-feira, 1 de agosto de 2013

PARAGEM PARA REFLEXÃO



Meus caros amigos e leitores:

O blogue e o seu autor vão parar para reflectir um pouco e irei dedicar-me a uma tarefa imensamente nobre que só alguns têm o privilégio e sacrifício de por alguma vez poder passar.

Assim, não irei publicar aqui mais "tralha" e "porcarias" que sei que vos deliciavam  e ajudavam, com um sorriso, a passar melhor os dias.

Dentro de algum tempo, estou certo, compreenderão esta difícil decisão.

Obrigado a todos que me foram lendo e escutando, dando dicas e, por qualquer forma, contribuindo para que o blogue fosse um sucesso.


A ÚNICA BOA NOTÍCIA DOS DOIS ÚLTIMOS DIAS ...